cerimônia de despedida

Lembranças ajudam a confortar família e amigos na cerimônia de despedida

Um dos filhos de João* nasceu com uma doença degenerativa e veio a falecer quando estava perto de completar 40 anos. A seu pedido, foi cremado. E na cerimônia de despedida, João atendeu o último desejo do filho: que as cinzas fossem jogadas ao mar, na praia onde ele e a família viveram, com músicos e amigos tocando e cantando suas canções preferidas.

Ao atender o desejo do filho, João encontrou com certeza uma forma de amenizar a dor da perda. Ao mesmo tempo, ajudou a confortar amigos e parentes porque deu a eles uma cerimônia muito especial, reforçando todas as boas lembranças que tiveram no convívio com o filho dele. Quem esteve lá não esquecerá jamais disso.

Histórias como esta não são raras. Muitas pessoas procuram maneiras de tornar o funeral do ente querido inesquecível como forma de homenagem e de conforto para amigos e parentes. Uma cerimônia de despedida como a que o Crematorium Vaticano oferece em seu plano preventivo cria essa atmosfera. Mas você também pode buscar formas de torná-la ainda mais especial, levando em consideração um último desejo ou destacando lembranças, hobbies, paixões e gostos do ente querido.

Cerimônia de despedida com mais afeto, carinho e saudade

A música, por exemplo, é sempre um item que faz diferença numa cerimônia de despedida, como foi no funeral do filho do João. Você pode preparar uma seleção só com as músicas dos artistas preferidos de quem está partindo. Ou convidar amigos para que fazem a trilha sonora do velório, ao som do violão.

Hobbies, como torcer por um time de futebol, criar peças de costura, ser apaixonado pela cozinha, curtir animais de estimação, gostar de cinema e fazer muitas viagens, também podem ganhar destaque na cerimônia. Decorar o ambiente com cores que lembram a do uniforme do time, por exemplo – o que comum de ver com bandeiras de times nos caixões. Ou reunir imagens que mostrem as idas ao cinema, os filmes favoritos, os passeios com a turma do trabalho ou de infância ou os lugares especiais que visitou. Até o lanche oferecido aos convidados pode ser motivo de homenagem, com alguma opção que seja a preferida do ente querido.

Tudo isso ajuda a tirar a perda do foco. O momento é triste, mas os amigos e parentes serão sempre impactados na despedida por boas lembranças, aquelas podem até mesmo fazer com que se esboce um sorriso. E por que não até mesmo uma gargalhada? Não será falta de respeito, mas sim uma demonstração de afeto, carinho e muita saudade.

Para guardar na memória

Como forma de manter viva a lembrança de quem partiu, as famílias têm ainda a possibilidade de perpetuá-la em forma de cristais ou de diamantes, ambas oferecidas pelo Crematorium Vaticano.

Cristais

Exclusividade do Crematorium Vaticano no Brasil, esta homenagem ao ente querido cria uma peça em cristal utilizando uma parte das cinzas resultantes da cremação. É uma peça única, criada a partir de um processo artesanal. Podem ser criadas peças em diferentes formas de pingentes ou peças decorativas, em tamanhos e formatos variados (coração, estrela, animais, instrumentos musicais, entre outros). Saiba mais.

Diamantes

O diamante é sinônimo de elegância, amor e eternidade em todo o mundo. O Vaticano Memorial Diamond possibilita que cinzas ou cabelos humanos sejam transformados em diamantes, originando uma pedra única, com preciosidade e brilho incalculável. As opções de três cores de diamantes raros fazem o Memorial Diamond ainda mais personalizado, já que a intensidade das cores varia de acordo com as características das cinzas. Saiba mais.

Quer saber mais sobre a cerimônia de despedida realizadas no Crematorium Vaticano? Entre em contato.


*História real, mas usamos um nome fictício

Compartilhar
Posted in Crematório Vaticano, Novidade and tagged , , , , , , , , , , , .