Algumas comidas naturais que são aceitas para os pets. Veja aqui:

De acordo com o médico veterinário Fábio Teixeira e especialista em nutrição para pets, os animais quando foram sendo domesticados, saíram do seu habitat natural e começaram a conviver mais com o homem, eles comiam os restos de comidas das pessoas que conviviam. Porém, foi surgindo um aprimoramento na questão alimentar até o surgimento das rações onde são inseridos nutrientes essenciais que os restos de comidas não suprem para que o pet tenha uma vida saudável. Devido a esse cuidado, o aumento de expectativa dos animais aumentou por conta de receberem exatamente uma alimentação balanceada e equilibrada por meio das rações.

Em se tratar dos benefícios da alimentação caseira, ela beneficia mais os animais que possuem um certo problema de saúde como uma alergia e obesidade. Portanto, se o tutor quiser mudar a alimentação do pet para alimentação natural, tem que ter muito cuidado, um cachorro por exemplo, precisa ingerir de 35 a 40 nutrientes por dia, e esses nutrientes tem que estar na sua alimentação, e muitas vezes, não se encontra somente na alimentação caseira, e por este motivo, podem desenvolver deficiência nutricional. Isso vale para os gatos também.

Imagem/ internet

Vamos deixar aqui algumas dicas de alimentos usados como comida natural para os bichinhos, mas vale lembrar que fazer um acompanhamento nutricional junto com a transição alimentar é muito importante para que o pet não fique doente.

Imagem/ internet

Proteínas: peixe, frango, carne de boi, ovos, porco e vísceras de animais. Porém não pode oferecê-las totalmente cruas. O preparo mais adequado é fazer o cozimento das carnes sem temperos.

Carboidratos e fibras:  arroz, lentilha, arroz integral, milho, batata, bata-doce, chuchu, abobrinha, beterraba, brócolis, inhame. O cozimento também é necessário para tornar o amido digerível para os mamíferos.

Legumes, vegetais e frutas: Os legumes e vegetais são os campeões da alimentação natural dos bichinhos de estimação. A maioria deles pode ser servida aos cães sem problema, eles adoram o sabor e são alimentos riquíssimos em nutrientes. Frutas também são adoradas pelos cães, mas tenha cuidado. Algumas delas são tóxicas, como é o caso do ABACATE e da UVA, e é bom evitar as cítricas, como LARANJA e ABACAXI, por serem agressivas ao estômago dos bichanos. Não esqueça de lavar e retirar todos os caroços e sementes para evitar engasgos e machucados no intestino do pet.

Lembrando que oferecer todos os alimentos naturais sem temperos é o ideal, e o sabor fica mais gostoso. A CEBOLA e ALHO possuem substâncias muito tóxicas e não devem ser utilizadas nos alimentos dos pets.

Na dúvida consulte sempre um médico veterinário nutricionista onde ele vai lhe auxiliar durante a transição e que provavelmente pedirá exames de rotina do seu pet para avaliar as necessidades nutricionais do bichinho.

 

Fonte Internet

Redação Vaticano


Compartilhe essa notícia:

A Vaticano possui a mais completa estrutura para melhor atender seus clientes, contando com Capelas de Velório, Cemitério, Crematórios, Crematórios Pet, Floricultura e Distribuidora de Flores. Buscamos constantemente o aprimoramento no atendimento às famílias enlutadas e de nossos profissionais. Estamos sempre em busca de inovações no setor. É uma empresa de origem familiar, e hoje, é administrada pela terceira geração.