Conheça personalidades que optaram pela cremação

Conheça personalidades que optaram pela cremação

Houve um tempo em que pouco se falava de cremação. Era uma prática ainda pouco conhecida, o que mudou a partir da maior oferta do serviço por empresas como o Crematório Vaticano no Paraná e em Santa Catarina.

Prova de que a opção por cremar está sendo mais feita é o número de personalidades de diferentes áreas de atuação que foram cremados por seus familiares. É o caso do jornalista Ricardo Boechat, morto em acidente de helicóptero no dia 11 de fevereiro de 2019, ocorrido em São Paulo. A cremação foi um desejo expressado por ele à família.

Na lista de personalidades que, assim como Boechat, optaram pela cremação estão também: Tônia Carrero, atriz, uma das grandes damas do teatro e da TV brasileira, falecida e cremada em março de 2018. Prince, cantor norte-americano, famoso mundialmente pela música e pelo filme “Purple Rain”, falecido e cremado em abril de 2016. Agildo Ribeiro, ator comediante, conhecido desde os anos 70 pela participação em diferentes programas de humor, falecido e cremado em abril de 2018. Carlos Heitor Cony, escritor e membro da Academia Brasileira de Letras, e que mantinha coluna no jornal Folha de S.Paulo, além de comentários na rádio CBN, falecido e cremado em janeiro de 2018.

Beatriz Segall, atriz e também grande nome do teatro e da TV, famosa por interpretar a personagem Odete Roitman na novela Vale Tudo, falecida e cremada em setembro de 2018. Eva Todor, atriz com papéis de sucesso no teatro e na TV, falecida e cremada em dezembro de 2017.

Antônio Abujamra, ator e diretor de teatro e TV, conhecido pelo personagem Ravengar na novela Que Rei Sou Eu? e pelo programa de entrevistas Provocações, falecido e cremado em abril de 2015. Ivo Pitanguy, o mais famoso cirurgião plástico do Brasil e um dos mais conhecidos do mundo, falecido e cremado em agosto de 2016. Margaret Thatcher, primeira-ministra da Inglaterra entre os anos 70 e 80, falecida e cremada em abril de 2013.

Jorge Loredo, ator e comediante, famoso pelo personagem Zé Bonitinho apresentado em programas como A Praça é Nossa e Escolinha do Professor Raimundo, falecido e cremado em março de 2015. Nelson Xavier, ator de sucesso na TV e no cinema por interpretar personagens marcantes como Lampião e, mais recentemente, o médium Chico Xavier, falecido e cremado em maio de 2017. Wagner Montes, apresentador de TV, conhecido pela apresentação de telejornais da TV Record Rio, mas também pela participação nos anos 80 como jurado do Show de Calouros do SBT, falecido e cremado em janeiro de 2019.

Zé Rodrix, músico, compositor e escritor, participou de grupos com Sá, Rodrix e Guarabira e autor de Casa no Campo, um dos grandes sucessos de Elis Regina, além de assinar também jingles inesquecíveis da publicidade brasileira, falecido e cremado em maio de 2009. Chico Anysio, um dos maiores nomes do humor do Brasil, famoso pela criação de centenas de personagens como os inesquecíveis Professor Raimundo, Alberto Roberto, Coalhada, entre outros, falecido e cremado em março de 2012.  

Deseja saber mais sobre cremação? Clique aqui.

 


Compartilhe essa notícia:

A Vaticano possui a mais completa estrutura para melhor atender seus clientes, contando com Capelas de Velório, Cemitério, Crematórios, Crematórios Pet, Floricultura e Distribuidora de Flores. Buscamos constantemente o aprimoramento no atendimento às famílias enlutadas e de nossos profissionais. Estamos sempre em busca de inovações no setor. É uma empresa de origem familiar, e hoje, é administrada pela terceira geração.

2º via Boleto