Como funciona os ritos fúnebres da religião dos muçulmanos?

Como funciona os ritos fúnebres da religião dos muçulmanos?

Para quem não sabe os muçulmanos são os seguidores da religião chamada Islã. Religião monoteísta articulada pelo Alcorão e pelos ensinamentos de Maomé considerado profeta de Deus.

Para eles o luto é momento de oração, calma, equilíbrio, discrição. Ou seja, raramente se vê choros excessivos, gritos e escândalos nos velórios. Geralmente são bem comedidos.  O profeta da religião Muhammad  disse aos seus companheiros e, portanto, aos crentes até o fim dos tempos: "O morto sofre quando alguém se lamenta em voz alta". Nenhuma lamentação pode mudar a situação ou trazer o morto de volta à vida e, portanto, o Islã insiste que a morte deve ser tratada com dignidade e aceitação do decreto de Deus.

 O ritual de preparação do corpo é feito por familiares normalmente do mesmo sexo do morto, o cônjuge pode participar desse rito. De início, o falecido passa por três banhos: um para tirar a impureza, o segundo é canforado (com ervas) e o último com água pura. Depois é enrolado em um pano branco onde é coberto até o rosto e enterrado em contato com a terra com a face virada para cima. É permitido colocar uma tampa de cimento, por exemplo, para evitar que a terra caia sobre o corpo e feche a sepultura.

O falecido  deve ser sepultado o mais rápido possível, a cerimônia é realizada apenas para cumprir o prazo das burocracias do enterro ou para dar tempo de algum parente chegar de longe. Os muçulmanos acreditam que o velório é um intervalo entre outras etapas do ritual de despedida.

Luto da mulher e esposa

De acordo com os ritos funerários do Islã a mulher pode ficar de luto pelo ente querido durante três dias. Esse período é considerado o suficiente para uma pessoa ter seu momento de tristeza. É proibido uma mulher passar três noites de luto por uma pessoa exceto por seu marido. Conhecido no Islã como iddah período de quatro meses e dez dias é o tempo que a esposa pode passar o período de luto, pois é uma extensão do casamento e ela não tem permissão para receber quaisquer propostas de casamento durante esse tempo.  Esse período é prescrito para as viúvas para que fiquem de luto pela morte de seus maridos, cumpram quaisquer obrigações exigidas e para verificar se a viúva está grávida.  Se a gravidez for confirmada, então o período de luto é estendido até o parto.

Nos cemitérios muçulmanos não existem muitos ornamentos nas sepulturas, todos são enterrados de forma igual com muita simplicidade. É permitido colocar flores, porém não se constrói mausoléus ou algum tipo de monumento que chame atenção. 

                                

É um espaço sem ostentação demonstrando por meio da religião que nenhum bem material é mais importante do que as atitudes em vida, visto que acreditam que o cemitério seja um ambiente provisório. -Cemitério de Área especial dedicada a muçulmanos em Campo da Esperança, em Brasília

Sepultamento

Entre o 2º e 7 dia após o enterro são celebrados rituais pelo falecido em mesquitas e casas onde promovem leitura do Alcorão. As orações ocorrem de forma simples e com reuniões discretas. Durante o período do luto os familiares também fazem doações dos pertences do falecido para comunidades carentes. A religião ensina que as dívidas do falecido também  sejam pagas pelos familiares.


Compartilhe essa notícia:

A Vaticano possui a mais completa estrutura para melhor atender seus clientes, contando com Capelas de Velório, Cemitério, Crematórios, Crematórios Pet, Floricultura e Distribuidora de Flores. Buscamos constantemente o aprimoramento no atendimento às famílias enlutadas e de nossos profissionais. Estamos sempre em busca de inovações no setor. É uma empresa de origem familiar, e hoje, é administrada pela terceira geração.